***22 anos de Magistério****

segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Combatendo a dengue!!!





Clicar aqui para baixar:Dengue.rar
Campanha contra a dengue.rar


domingo, 29 de novembro de 2009

Seu blog é uma pérola!!



Criei este selinho pra oferecer aos blogs que são uma pérola, é claro que são muitos e eu ficaria dias para enumerá-los, então oferecerei para 10 blogs!!!
As regras são:
- Escolher 10 blogs e avisá-los do selinho

http://blogeducafeliz.blogspot.com
http://professorasim.blogspot.com
http://carinharte.blogspot.com
http://aartedeensinareaprender.blogspot.com
http://aotoquedoamor.blogspot.com
http://mundoludicosrossine.blogspot.com
http://brincandocomcores.blogspot.com
http://amigasdaedu.blogspot.com
http://proportoseguro.blogspot.com

sábado, 28 de novembro de 2009

Barbie


Título:

A BARBIE É UMA BRUXA

Autor:

Rubem Alves

Publicado:


Data:

11/10/2006

Fiquei comovido quando li que foram encontradas bonecas em túmulos de crianças no Egito, na Grécia e em Roma. Pude imaginar o que os pais deveriam estar sentindo ao colocar aquele brinquedo junto ao corpo da filha morta. Eles o faziam para que ela não partisse sozinha, para que ela não tivesse medo...De fato, uma criança abraçada a uma boneca é uma criança sem medo, uma criança feliz. Os meninos, proibidos de ter bonecas, se abraçam aos seus ursinhos de pelúcia. E nós, adultos, proibidos de ter bonecas e de ter ursinhos de pelúcia, nos abraçamos ao travesseiro... Os objetos são diferentes, mas o seu sentido é o mesmo: o desejo de aconchego e de ternura.



Por isso eu acho que o senhor e a senhora fizeram muito bem ao dar uma boneca de presente para a sua filhinha. Com uma exceção, é claro: se a boneca não foi a Barbie. Porque a Barbie não é uma boneca. Falta a ela o poder que têm as outras bonecas, bebezinhos, de afugentar o medo e provocar sentimentos maternais de ternura. Não posso imaginar uma menina dormindo abraçada à sua Barbie. Nenhum pai colocaria a Barbie no túmulo da filha morta.A Barbie não é boneca. É uma bruxa. Posso bem imaginar o espanto nos seus olhos. Eu imagino também os seus pensamentos: O Rubem perdeu o juízo. A Barbie é uma boneca de plástico, não mexe, não pensa, não fala. E agora ele diz que ela é uma bruxa...Que as bonecas, ao contrário das aparências, têm uma vida própria, eu aprendi no 2° ano primário.

Minha professora me deu um livro sobre bonecas e bonecos: enquanto a gente estava acordado, elas ficavam deitadinhas, olhinhos fechados, fingindo que dormiam. Mas bastava que os vivos dormissem para que elas acordassem e se pusessem a falar coisas. As bonecas foram os primeiros brinquedos inventados pelos homens. E foram também os primeiros instrumentos de magia negra. Um alfinete, aplicado no lugar certo de uma boneca – assim afirmam os entendidos – tem o poder de matar a pessoa que se parece com ela. Pois eu digo que a Barbie é uma bruxa. Bruxa enfeitiça. Enfeitiçada, a pessoa deixa de ter pensamentos próprios.



Só pensa o que a bruxa manda. A pessoa enfeitiçada fica possuída pelos pensamentos da feiticeira e só pensa e faz aquilo que ela manda.Se falo é porque vi, com esses olhos que a terra há de comer. Basta que as crianças comecem a brincar com a Barbie, para que fiquem diferentes. O pai manda, a mãe manda, a criança faz birra e não obedece. Não é assim com a Barbie. Basta que a Barbie mande para que elas obedeçam. De novo você vai me contestar, dizendo que a Barbie não fala e não tem vontade. Por isso, não pode nem dar ordens e nem ser obedecida. Errado. O fantástico é que ela, sem falar e sem ter vontade, tenha mais poder sobre a alma da criança que os pais. Quem me revelou isso foi o futurólogo Alvin Toffler, no seu livro O Choque do Futuro, que li em 1971. O capítulo “A Sociedade do Joga-Fora” começa com a Barbie. Nascida em 1959, em 1970 mais de 12 milhões já tinham sido vendidas. Um negócio da China. E por quê? Porque a Barbie, diferente das bonecas antigas, bebês que se contentam com uma chupeta e um chocalho, tem uma voracidade insaciável. A Barbie é uma boneca que nunca está contente: ela sempre pede mais. E essa é a grande lição que ela ensina às crianças: Compra, por favor!Para se comprar há as roupas da Barbie, a banheira da Barbie, o secador de cabelo, o jogo de beleza, o guarda-roupa, a cama, a cozinha, o jogo de sala de estar, o carro, o jipe, a piscina, o chalé de praia, o cavalo e os maridos, que podem ser escolhidos e alternados entre o loiro e o moreno etc. etc. A Barbie está sempre incompleta. Portanto, com ela vem sempre uma pitada de infelicidade. Aliás, essa é a regra fundamental da sociedade consumista: é preciso que as pessoas se sintam infelizes com o que têm, para que trabalhem e comprem o que não têm.



A Barbie tem esse poder: quem a tem está sempre infeliz porque há sempre algo que não se tem, ainda. E os engenheiros da inveja, a serviço das fábricas, se encarregam de estar sempre produzindo esse novo objeto que ainda não foi comprado. Mas é inútil comprar. Porque logo um outro será produzido. É a cenoura na frente do burro... Ela nunca será comida. Quem dá uma Barbie para uma criança põe a criança numa arapuca sem saída. Porque, ao ter uma Barbie, ela ingressa no Clube das Meninas que têm Barbie. E as conversas, nesse clube, são assim: Eu tenho o chalé de praia da Barbie. Você não tem. Ao que a outra retruca: – Não tenho o chalé, mas tenho o marido loiro da Barbie, que você não tem. Essa é a primeira lição que a inofensiva boneca de plástico ensina. Ensina a horrível fala do eu tenho, você não tem. A maldição das comparações. A maldição da inveja.



Você deve conhecer alguns adultos que fazem esse jogo. Haverá coisa mais chata, mais burra, mais mesquinha? Ao dar uma Barbie de presente é preciso que você saiba que a menina inevitavelmente aprenderá essa fala. Isso feito, uma segunda fala entra inevitavelmente em cena, impulsionada pelas ilusões da inveja. A menininha pensa: Estou infeliz porque não tenho. Se eu tiver, serei feliz.

O jeito de se ter é comprar.


– Papai...


– Que é, minha filha?


– Compra o chalé de praia da Barbie? Eu quero tanto...


Filha na arapuca. Pai na arapuca. Mas há uma saída. E, para ela, procuro sócios. Vamos começar a produzir o próximo e definitivo complemento para a bruxa de plástico: urnas funerárias para a Barbie. Por vezes o feitiço só se quebra com o assassinato da feiticeira – por bonitinha que ela seja...”


sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Sexualidade III

Como a Mãe e o Pai se apaixonaram.rar
Camila, apaixona-se.rar




Clique aqui:sexo 4.rar

quinta-feira, 26 de novembro de 2009

Nascimento de Jesus!!

Clicar aqui para baixar:Nascimento de Jesus.rar

natal2.rar

Músicas natalinas.rar

quarta-feira, 25 de novembro de 2009

CAZUZA..UM IDIOTA MORTO.....

Esse cidadão dizia "todos os meus heróis morreram de overdose". E era aplaudido.


É .... DEVIAM COLOCAR o texto abaixo NUM OUTDOOR LÁ NA PRAÇA CAZUZA, NO LEBLON...
Psicóloga x Cazuza!

Esta mensagem precisa ser retransmitida para todas as FAMÍLIAS!
Uma psicóloga que escreveu, corajosamente algumas verdades.

Uma psicóloga que assistiu ao filme escreveu o seguinte texto:
'Fui ver o filme Cazuza há alguns dias e me deparei com uma coisa estarrecedora..
As pessoas estão cultivando ídolos errados..
Como podemos cultivar um ídolo como Cazuza?

Concordo que suas letras são muito tocantes, mas reverenciar um marginal como ele, é, no mínimo, inadmissível.
Marginal, sim, pois Cazuza foi uma pessoa que
viveu à margem da sociedade, pelo menos uma sociedade que tentamos construir (ao menos eu) com conceitos de certo e errado.
No filme, vi um rapaz mimado, filhinho de papai que nunca precisou trabalhar para conseguir nada, já tinha tudo nas mãos. A mãe vivia para satisfazer as suas vontades e loucuras. O pai preferiu se afastar das suas responsabilidades e deixou a vida correr solta..
São esses pais que devemos ter como exemplo?
Cazuza só começou a gravar porque o pai era diretor de uma grande gravadora..
Existem vários talentos que não são revelados por falta de oportunidade ou por não terem algum conhecido importante.
Cazuza era um traficante, como sua mãe revela no livro, admitiu que ele trouxe drogas da Inglaterra, um verdadeiro criminoso. Concordo com o juiz Siro Darlan quando ele diz que a única diferença entre Cazuza e Fernandinho Beira-Mar é que um nasceu na zona sul e outro não.
Fiquei horrorizada com
o culto que fizeram a esse rapaz, principalmente por minha filha adolescente ter visto o filme. Precisei conversar muito para que ela não começasse a pensar que usar drogas, participar de bacanais, beber até cair e outras coisas, fossem certas, já que foi isso que o filme mostrou.
Por que não são feitos filmes de pessoas realmente importantes que tenham algo de bom
para essa juventude já tão transviada? Será que ser correto não dá Ibope, não rende bilheteria?
Como ensina o comercial da Fiat,
precisamos rever nossos conceitos, só assim teremos um mundo melhor.
Devo lembrar aos pais que
a morte de Cazuza foi consequência da educação errônea a que foi submetido. Será que Cazuza teria morrido do mesmo jeito se tivesse tido pais que dissesem NÃO quando necessário?
Lembrem-se,
dizer NÃO é a prova mais difícil de amor .
Não deixem seus filhos à revelia para que não precisem se arrepender mais tarde. A principal função dos pais é educar..
Não se preocupem em ser 'amigo' de seus filhos.
Eduque-os e mais tarde eles verão que você foi à pessoa que mais os amou e foi, é, e sempre será, o seu melhor amigo, pois amigo não diz SIM sempre.'

Leu???

Concorda com a minha opinião???
Então faça sua parte divulgue....


Camila Rezende
e-mail: camilarezende0@gmail.com

terça-feira, 24 de novembro de 2009

Sexualidade

Clicar aqui para baixar:mamãe botou um ovo.rar



Manual do professor

Abuso sexual

domingo, 22 de novembro de 2009

Que fofo!!!


Ganhei esse selinho muito lindo e fofo da amiga Joelma Couto, amei linda... que Deus te abençoe e te de muito sucesso!!! Obrigada. Visitem o novo blog : http://amigasdaedu.blogspot.com/vale a pena.

E ai vão as regras:
Oferecer o selinho para 10 blogs;
Avisar os indicados;
Dizer o que achou do selo: SUPER FOFO... :) "Eu achei esse selo muito fofo!!"
A pessoa que receber o selinho deve deixar um recadinho no blog de quem a indicou.

http://www.aotoquedoamor.blogspot.com/

http://oficinadeideiaseducativas.blogspot.com/

http://ferinhasdosaber.blogspot.com/

http://espacoeducar-liza.blogspot.com/

http://ensinarexigealegria1.blogspot.com/

http://bloggerdatiadebora.blogspot.com/

http://divajuliana.blogspot.com/

http://canttinhodaprofeadri.blogspot.com/

http://nossapedagogia.blogspot.com/



Educação Especial


Clicar aqui para baixar:MATERIAL PEDAGÓGICO PARA EDUCAÇÃO ESPECIAL.rar

sexta-feira, 20 de novembro de 2009

Sexualidade e gênero

Como fiz as capas dos portifólios






Algumas pessoas tem me perguntado como eu fiz as capas dos cadernos. Bem, vou explicar como eu faço. Imprimo a imagem da capa e recorto, depois vou colocando em cima do EVA e vou desenhando por parte e recortando, depois monto. Outras eu vou olhando e desenhando. Tem algumas que eu olhei para o meu aluno e desenhei, estas até os pais ficaram emocionados com as semelhanças.
Simples, assim, vocês pensaram que eram mais complicado?

quinta-feira, 19 de novembro de 2009

Ruth Rocha

Ruth Rocha nasceu em 1931 na cidade de São Paulo. Filha dos cariocas Álvaro de Faria Machado, médico, e Esther de Sampaio Machado, tem quatro irmãos, Rilda, Álvaro, Eliana e Alexandre.

Teve uma infância alegre e repleta de livros e gibis. O bairro de Vila Mariana, onde morava, tinha nessa época muitas chácaras por onde Ruth passava, a caminho da escola - estudava no Colégio Bandeirantes. Mais tarde, terminou o Ensino Médio no Colégio Rio Branco.

É graduada em Sociologia e Política pela Universidade de São Paulo e pós-graduada em Orientação Educacional pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Casada com Eduardo Rocha, tem uma filha, Mariana e dois netos, Miguel e Pedro.

Durante 15 anos (de 1956 a 1972) foi orientadora educacional do Colégio Rio Branco, onde pôde conviver com os conflitos e as difíceis vivências infantis e com as mudanças do seu tempo. A liberação da mulher, as questões afetivas e de auto-estima foram sedimentando-se em sua formação.

Começou a escrever em 1967, para a revista Claudia, artigos sobre educação. Participou da criação da revista Recreio, da Editora Abril, onde teve suas primeiras histórias publicadas a partir de 1969. “Romeu e Julieta”, “Meu Amigo Ventinho”, “Catapimba e Sua Turma”, “O Dono da Bola”, “Teresinha e Gabriela” estão entre seus primeiros textos de ficção. Ainda na Abril, foi editora, redatora e diretora da Divisão de Infanto-Juvenis.

Publicou seu primeiro livro, “Palavras Muitas Palavras”, em 1976, e desde então já teve mais de 130 títulos publicados, entre livros de ficção, didáticos, paradidáticos e um dicionário. As histórias de Ruth Rocha estão espalhadas pelo mundo, traduzidas em mais de 25 idiomas.

Monteiro Lobato foi sua grande influência. Em sua obra, essa influência se traduz pelo seu interesse nos problemas sociais e políticos, na sua tendência ao humor e nas suas posições feministas.

Seu livro de forte conteúdo crítico, “Uma História de Rabos Presos”, foi lançado em 1989 no Congresso Nacional em Brasília, com a presença de grande número de parlamentares. Em 1988 e 1990 lançou na sede da Organização das Nações Unidas em Nova York seus livros “Declaração Universal dos Direitos Humanos” para crianças e “Azul e Lindo – Planeta Terra Nossa Casa”.

Participou durante seis anos do programa de televisão Gazeta Meio-Dia como membro fixo da mesa de debates.
Em 1998 foi condecorada pelo presidente Fernando Henrique Cardoso com a Comenda da Ordem do Mérito Cultural do Ministério da Cultura.
Ganhou os mais importantes prêmios brasileiros destinados à literatura infantil da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil, da Câmara Brasileira do Livro, cinco Prêmios “Jabuti”, da Associação Paulista de Críticos de Arte e da Academia Brasileira de Letras, Prêmio João de Barro, da Prefeitura de Belo Horizonte, entre outros.
Seu livro mais conhecido é “Marcelo, Marmelo, Martelo”, que já vendeu mais de 1 milhão de cópias.
Em 2002 ganhou o prêmio Moinho Santista de Literatura Infantil, da Fundação Bunge. Também nesse ano foi escolhida como membro do PEN CLUB – Associação Mundial de Escritores no Rio de Janeiro.

É membro da Academia Paulista de Letras desde 25 de outubro de 2007, ocupando a cadeira 38 e membro do Conselho Curador da Fundação Padre Anchieta.

Dentre as 191 publicações existentes na nossa Biblioteca, destacamos algumas:

Este admirável mundo louco
Borba, o gato
Nicolau tinha uma idéia
O trenzinho do Nicolau
Declaração universal dos direitos humanos
O Livro dos gestos e dos símbolos
Tem umas coisas que eu gosto
O rei que não sabia de nada
O sapo vira-rei-vira-sapo
A primavera da lagarta
As aventuras de Alvinho
Cometa Halley fascinante e belo
Quem tem medo de dizer não
De repente dá certo
Armandinho, o juiz
Contos de Perrault
As coisas que agente fala
A decisão do campeonato
O pequenique do Catapimba
O livro das letras
O amigo rei
Uma história com mil macacos
Alvinho, a apresentadora de TV e o campeão
Mil passos pelos céus.
O livro do papel
O último golpe de Alvinho
Você é capaz de fazer isso?
O rato do campo e o rato da cidade
Poesia Infantil
O livro do lápis
Atrás da porta
Nosso amigo ventinho
O livro das letras
O menino que quase morreu afogado no lixo
A família de Marcelo
O bairro do Marcelo
Quem tem medo de ridículo?
Quem tem medo de quê?
A máquina maluca
Azul e lindo: planeta terra, nossa casa
Procurando firme
História das mil uma noites
A cinderela das bonecas
Marcelo, marmelo, martelo
Livro de números do Marcelo
Bom dia, todas as cores


A seguir algumas obras desta querida autora, que tanto enriquece as nossa aulas:


(2) O menino que aprendeu a ver_Ruth Rocha.rar


Ruth Rocha - Teresinha e Gabriela.rar

Ruth Rocha - O Dono da Bola.rar

domingo, 15 de novembro de 2009

Oba mais selinho!!


Esse selinho ganhei da amiga Joelma Couto do blog: http://amigasdaedu.blogspot.com, regras desse selinho são as seguintes:
•- Exibir a imagem do selo que acabou de ganhar;
•- Postar o nome do Blog que te presenteou;
•- Indicar para alguns blogs de sua preferência;
•- Avisar os indicados e publicar as regras;
•- Conferir se os blogs indicados cumpriram as regras.
Repassando:
http://alfabetizandocomfantasia.blogspot.com/
http://pirlim-pimpim.blogspot.com/
http://brincandoeducando2.blogspot.com/
http://vihema.blogspot.com/
http://misturadealegria.blogspot.com/

sábado, 14 de novembro de 2009

Natal



Clicar aqui para baixar a pasta completa:Natal.rar

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

quinta-feira, 12 de novembro de 2009

Declaração de afeto



Amizade não se compra, se conquista!

"A amizade permanente não se compra e não se vende, não se ensina e nem se aprende, nasce e morre com a gente."


"Declaração de Afeto"


Recebi esta linda homenagem das minhas queridas amigas: Telva do Blog
:
http://telvatanajura.blogspot.com/
Vilma do blog:
http://vida-vivendocomarte.blogspot.com/

Raquel do blog:

http://vacario.blogspot.com/


A amizade é um sentimento, que chega devagarzinho pelos atos, pelo carinho, pela lembrança... E na net não é diferente, você visita um dia um blog, gosta, volta...

E assim vai crescendo o número de amigos, das atenções recebidas e dos carinhos ganhos.


Funciona assim:


- Escolhemos dez amigos para declarar a nossa amizade e os nomeamos num post.


- Em seguida visitamos seus blogs e comunicamos a nomeação.


- Cada um deverá nomear mais dez, e assim sucessivamente.


- Não há selos ou prêmios, apenas nossa declaração sincera de afeto.


- Se receber de volta é porque você realmente é considerada uma grande amiga.


Repasso para vocês com carinho e amizade!

Zélia http://brincandocomcores.blogspot.com/
Liza http://espacoeducar-liza.blogspot.com/
Joelma http://amigasdaedu.blogspot.com/
Krika http://linguagemeafins.blogspot.com/
Telva http://telvatanajura.blogspot.com/
Vilma http://vida-vivendocomarte.blogspot.com/

Raquel http://vacario.blogspot.com/
Tatiana http://tatiana-alfabetizacao.blogspot.com/
Debora http://edudeboraschnek.blogspot.com/
http://criandocriancas.blogspot.com/







quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Ventinho Gostoso e Gotinha de Orvalho


CLICAR AQUI PARA FAZER 0 DOWNLOAD:Ventinho Gostoso e Gotinha de Orvalho.rar

quinta-feira, 5 de novembro de 2009

quarta-feira, 4 de novembro de 2009

Educação Infantil




Clicar aqui para fazer o Download:180 Atividades para Educação Infantil.rar

BAÚ DO PROFESSOR DE 15 MESES A 6 ANOS _ VOL1.rar


BAÚ DO PROFESSOR 15 MESES A 6 ANOS _ VOL2.rar

BAÚ DO PROFESSOR 15 MESES A 6 ANOS _ VOL3.rar

BAÚ DO PROFESSOR DE 15 MESES A 6 ANOS _ VOL5.rar

Menino Maluquinho






Clicar aqui:LIVRINHO DE ATVIDADES DO MENINO MALUQUINHO.rar

MEME!!!!


Recebi da amiga Raquel do blog http://vacario.blogspot.com/

Meme é quase igual a um memorando, é o mesmo que propagar, onde as pessoas recebem um selo, com autorização do criador ou do repassador, obedece suas regras e repassa mais uma vez, indicando a quantidade de blogs sugerida pelo criador do mesmo! Eu acabei de receber esse, e obedecendo às regras, respondo as perguntas e no final indico mais 4 blogs para recebê-lo!


1. Qual a sua altura? R.: 1,65 m



2. Qual o seu peso? R.: 90kg



3. Qual a cor do seu cabelo? R.: Loira.



4. Qual a cor dos seus olhos? R.: Castanhos.



5. O que você mudaria em você? R.: Emagreceria sem parar de comer....rsrsr


6. Qual sua roupa velha preferida? R.: Todas!!!!


7. Qual seu estilo? R.:depende da ocasião, tenho roupas sociais, esportivas, casuais e gosto de todas.


8. Você trabalha ou estuda? R.: Trabalho!



9. Faz o que então? R.: Sou professora ensino fundamental I.


10. Qual a primeira coisa que faz quando acorda? Beijo meu negão.


11. Qual o seu alimento matinal preferido? R.:Activia e café preto.


12. Como você dorme? R.: De lado.



13. Você tem pesadelos? De que tipos? R.: não.



14. Você tem medo de altura? R.: Tenho pavor.



15. O que você tem vontade de fazer, mas tem medo? R.: Saltar de paraquedas.



16. O que você não faria nem por um milhão de dólares? R.: Não mataria.



17. Você tem um pecado inconfessável? R. Sim, muitos.



18. Se suas paredes falassem… R.: elas diriam:Sai desse computador!!!



19. Você já se apaixonou por duas pessoas? R.: Sim ...



20. O que mais te fez chorar na vida? R.: Desamor.



21. Qual a pessoa que mais ama na vida? R.: Primeiramente Deus e família.



22. Daria sua vida por essa pessoa? R.: Com toda certeza.



23. O que você acha das redes sociais? Qual prefere? R.: São o futuro dentro de nossas casas. Prefiro o blog , Orkut e Msn .


24. Já conheceu alguém através da net? R.: Sim, muita gente.Mas principalmente meu marido!!Num site de namoro...rsrsr


25. Já teve vontade de largar a net? R.: Não, uso net pra tudo é uma ferramenta indispensável.


26. Você acha um saco responder esse memê? R.: Não, assim, quem tiver interesse de saber um pouco mais de mim, é só ler esse post.


27. Você sabe o que significa memê? R.: Sim.

Ofereço esse MEME aos 4 Blogs abaixo:


http://baudeideiasdaivanise.blogspot.com/

http://amigasdaedu.blogspot.com/

http://linguagemeafins.blogspot.com/

http://janaina-lala.blogspot.com/


Beijos a todas!!!




terça-feira, 3 de novembro de 2009

Feijão com Arroz

Clicar aqui para fazer o download:Arroz com Feijão.rar

Atividades para sala de Aula


Clicar aqui para baixar:ATIVIDADES PARA SALA DE AULA VOL 03 DE 7 A 10 ANOS.rar

segunda-feira, 2 de novembro de 2009

O sanduiche da Maricota!!




Clicar aqui para baixar o livro:(2) O sanduiche da Maricota.rar

©Template designer adapted by Liza.